Encontro Brasileiro e Latino Americano de Trompistas é atração do Festival Internacional da Música em Barra Mansa/RJ

Google+PinterestLinkedInTumblr+

Dentro da variada programação do 3º Festival Internacional de Música de Barra Mansa, acontece o VI Encontro Brasileiro e III Encontro Latino Americano de Trompistas. O evento teve início hoje e segue até sábado. Estima-se que cerca de 100 instrumentistas, entre professores e alunos, participarão dos dois eventos que acontecem em paralelo. As aulas são exclusivas aos estudantes inscritos, já os concertos e apresentações são abertos ao público.

A programação contará com mais de 20 atividades pedagógicas entre aulas ministradas por grandes nomes da trompa (master classes), palestras, entrevistas, práticas coletivas e apresentações de artigos científicos. Completando o encontro, serão apresentados mais de 15 recitais, concertos e show, além da seminal e final do V Concurso MB para Jovens Trompistas e uma homenagem ao trompista Daniel Havens. A organização oferecerá tradutores para facilitar a troca de conhecimento entre alunos e os músicos internacionais.

De acordo com o coordenador geral dos encontros e conselheiro da Associação de Trompistas do Brasil, Radegundis Aranha Tavares Feitosa, o Encontro de Trompistas evento já foi sediado no sul, sudeste e nordeste.

“Aqui em Barra Mansa, com o Projeto Música nas Escolas, vamos poder atender muitas pessoas que normalmente não teriam acesso a esse conhecimento. O objetivo da Associação é promover a troca de conhecimento e tornar acessível aos músicos o que há de mais atual, o mais discutido, pensado e divulgado no meio, mas que muitas vezes não chegam até nós por conta das barreiras da língua ou da própria distância. Vamos fazer um grande evento.  Já temos confirmados pessoas da região sul, nordeste e centro-oeste”, explica.

Ainda segundo o coordenador de ambos os eventos, os encontros também contarão com exibidores de produtos e acessórios para trompas. Ao todo, serão sete marcas entre construtores de instrumentos, acessórios e cases. “Eles vêm para mostrar as tendências mais atuais. No Brasil temos pouco acesso, de maneira geral, a esses materiais”, informou o coordenador.

Encontro Latino Americano

Já o evento latino busca unir mais os países que têm uma ligação com esse instrumento e que vêm se fortalecendo ao longo dos últimos anos. Entre os principais nomes estão Brasil, Argentina, Colômbia e Venezuela.  Este ano o encontro contará com um representante da Costa Rica e outro do México. “O Encontro Latino Americano vem adicionando ao nosso encontro nacional a participação das pessoas dos países vizinhos que ainda não têm uma rotina de eventos nacionais do instrumento, assim como o Brasil não tinha há pouco tempo”, justicou Radegundis.

Dentre as atrações estão os grupos Lyra Bragança, Brazilian Horn Ensemble, Grupo de Trompas da UFRJ, Trompas do Rio, Grupo de Trompas de Porto Alegre, Grupo de Trompas do Espírito Santo e o quarteto com músicos de referência no universo mundial da trompa, como Denise Tryon, uma das trompistas graves mais reconhecidas atualmente, Kerry Turner, um dos músicos de metais mais famosos na atualidade e Andrew Pelletier, presidente da Internacional Horn Society (Associação Internacional de Trompa) e que vem pela primeira ao encontro. Com entrada gratuita, as apresentações acontecem em diversos pontos da cidade.

Os Professores participantes são: Adalto Soares (Unirio), Alma Liebrecht (Orquestra Filarmônica de Minas Gerais), Andrew Pelletier (Presidente da International Horn Society), Celso Benedito (UFBA), Denise Tryon (Universidade de Cincinnati), Israel Oliveira (OSPA), João Batista (Orquestra Sinfônica da Paraíba), Juan Carlos Porras (Universidade da Costa Rica), Keith Eitzen (Orquestra Sinfônica de Xalapa – México), Kerry Turner (Orquestra Filarmônica de Luxemburgo), Lucca Soares (Orquestra Sinfônica de Campinas), Marcelo das Virgens (Orquestra da Universidade

Estadual de Londrina), Marcus Bonna (MB Cases), Nikolay Genov (OSESP), Philip Doyle (UFRJ), Priscila Viana (Orquestra Sinfônica da UFMG), Radegundis Tavares (UFRN), Ricardo Lepre (Faculdade de Música do Espírito Santo), Rinaldo Fonseca (UFPE), Robson Gomes (Orquestra Sinfônica Municipal de João Pessoa), Waleska Beltrami (Orquestra Sinfônica Nacional da UFF).

Os exibidores são Adalto Brass, Rimsky Horns, Engelman Mouthpieces, Finke Horns, MB Cases, Paxman Horns,

Confira a programação:
Quinta-feira
14 às 15 horas – Concerto: Brazilian Horn Ensemble
Local: Salão nobre Jaime Dantas – UBM

20 horas– Recital: Andrew Pelletier, Cristiano Vogas, Denise Tryon, 
Kerry Turner & Marina Spoladore
Local: Salão nobre Jaime Dantas – UBM

22 horas – Confraternização no “Costelinha de Ouro”

Sexta-feira
14 às 15 horas – Recital: Alma Liebrecht, Cristiano Vogas, Israel Oliveira, 
Marcelo das Virgens e Marina Spoladore
Local: Salão nobre Jaime Dantas – UBM

20 horas – Final do Concurso MB / Concerto Grupos de Trompas de participantes 
Local: Salão nobre Jaime Dantas –
UBM

Sábado
10 às 11 horas – Desle da Banda Marcial
Local: Avenida Domingos Mariano

15 às 16 horas – Recital: Cristiano Vogas, Kathia Bonna, Keith Eitzen, 
Priscila Viana e Waleska Beltrami
Local: Sala de ensaios da Orquestra Sinfônica de Barra Mansa
16 às 17 horas– Concerto: Grupo de Trompas da UFRJ / Rio Horn Ensemble
Local: Sala de ensaios da Orquestra Sinfônica de Barra Mansa
18 horas – Concerto de encerramento: Orquestra Sinfônica de Barra Mansa, 
Daniel Guedes, Andrew Pelletier,
Denise Tryon, Kerry Turner, Nikolay Genov & Radegundis Tavares
Local: Espaço M


Fonte: A Voz da Cidade

Compartilhe.

Deixe uma resposta

1 × três =