Encontro com 11 orquestras reúne público de mil pessoas em Chapecó/SC

Google+PinterestLinkedInTumblr+

Oitava edição trouxe músicos de orquestras dos três estados do Sul.

O 8º Encontro Brasileiro de Orquestras lotou os mil lugares do Teatro Municipal do Centro de Cultura e Eventos de Chapecó, na noite de sábado. Tanto que os músicos das 11 orquestras participantes tiveram que sentar no corredor ou ficar em pé para espiar a apresentação dos colegas.

A Orquestra de Câmara da Unochapecó, uma das anfitriãs do evento, abriu o espetáculo com um arranjo da música popular italiana Bella Ciao. A Orquestra Sinfônica de Chapecó tocou um medley de músicas de Raul Seixas. Estiveram presentes grupos musicais dos três estados do Sul que tocaram durante quatro horas, desde clássicas de Beethoven e Mozart até arranjos de Metallica.

Quem encerrou as apresentações foi a Orquestra Villa-Lobos, programa de educação musical desenvolvido na Escola Municipal de Ensino Fundamental Heitor Villa-Lobos, na periferia de Porto Alegre. O projeto completou 25 anos em 2019. Claro que eles tocaram uma música de Villa-Lobos, a Bachianas número 5, mas também interpretaram “Um Girassol da Cor do Seu Cabelo”, de Márcio Borges e Salomão Borges, que foi gravada recentemente pela banda Nenhum de Nós, além de “Live and Let Die”, de Paul McCartney.

O maestro da Orquestra de Câmara da Unochapecó e da Orquestra Sinfônica de Chapecó, Gustavo Malfatti, disse que há anos queria trazer a orquestra para Chapecó.

A regente da orquestra Villa-Lobos, Cecília Silveira, disse que foi muito gratificante sair de um cenário muito próximo de violência e receber uma acolhida tão boa em Chapecó, cidade que segundo ela todo o Brasil aprendeu a amar.

Fonte: NSC Total

Compartilhe.

Deixe uma resposta

17 − catorze =